Alibi.com

 

Se procura viver um vida dupla sem o seu parceiro, descobrir a empresa Alibi.com pode ajudá-lo!

 

Alibi.com procura oferecer o mais revolucionário serviço de álibis falsos para os seus clientes. Viagens arranjadas, cenários improvisados e encenações inacreditáveis. Tudo é possível nesta empresa. Se conseguir imaginar a Alibi.com é capaz de realizar.

Esta é a premissa da comédia francesa de Philippe Lacheau. Um filme divertido que usa e abusa de um humor de situação altamente absurdo, que chega a cruzar-se com um humor negro ao estilo “montypythiano”.

A personagem central desta intriga é Greg (Philippe Lacheau), fundador da empresa Alibi.com.

Greg, juntamente com mais dois colegas, cria estratagemas de forma a ir ao encontro das pretensões dos seus clientes que procuram uma certa liberdade que não conseguem no dia-a-dia, quer seja ao nível pessoal, quer seja ao nível profissional. Mentiras perfeitas para faltar a mais um dia de trabalho ou para fugir a um casamento rotineiro.

 

O negócio da empresa vai de vento em popa até que algo inesperado acontece e rompe com a ação.

Greg cruza-se com uma linda mulher chamada Flo (Élodie Fontan) após um incidente com o cão dela. Mal ele sabia que esse encontro iria desgraçá-lo e mudar o rumo dos acontecimentos para sempre. Depois de os dois iniciarem uma relação, tudo fica mais complicado quando Greg é convidado por Flo para ir a sua casa conhecer os seus futuros sogros.

E não é que o pai da sua amada é seu cliente?

 

Greg e Gerard (Didier Bourdon), pai de Flo, ficam entre a espada e parede. Flo e a sua família não sabem nem que o seu pai recorria a uma empresa de álibis para trair a sua mãe, nem que Greg afinal não é comissário de bordo, tal como se apresentou, mas sim, um aldrabão que trabalha numa empresa de álibis. A partir desse momento, a trama foca-se nas mentiras de Greg e Gerard.

 

Situações por vezes surreais, a roçar o humor negro, pautam as peripécias das personagens.

Em Alibi.com encontramos, também, referências a outros filmes e aos anos 80.

Entre as quais se destacam, uma luta em que são usadas lâmpadas florescentes, uma azul e outra vermelha, que nos remete automaticamente à saga Star Wars.

O facto de o Greg ser viciado no filme Bloodsport, de Jean-Claude Van Damme e tentar ao longo do filme executar o mítico rotativo do astro belga.

 

E, ainda, a presença de uma banda sonora repleta de clássicos da música dos anos 80 como, por exemplo, o intemporal Total Eclipse of the Heart, de Bonnie Tyler.

Alibi.com é uma comédia francesa que cumpre as expectativas criadas pelos seus predecessores (Babysitting e Babysitting 2). Um filme entretido e despretensioso. Amantes de humor negro e de comédias absurdas americanas, tais como The Hangover e Ted, irão certamente gostar desta proposta francesa.

ESTREIA: 24 DE AGOSTO


About The Author
-

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>