Transformers: O Último Cavaleiro

Transformers: O Último Cavaleiro revive o espírito medieval da lenda de rei Artur, com cavaleiros, feitiçaria e magia negra a mascararem a essência alienígena das nossas criaturas robóticas predilectas: Autobots e Decepticons! Sim, porque como os desenhos animados nos ensinaram, estes robots transformadores há muito que habitam o nosso planeta…

Esta nova iteração da saga está criada um pouco à imagem do seu público adolescente… caótica, pomposa, libertina e materialista…mas não descora os coleccionadores dos brinquedos da Hasbro, e apresenta aos fãs acérrimos, novas e melhores criações 3D que vão habitar as suas estantes.

Michael Bay, que orgulhosamente realiza o seu quinto filme do franchise, ainda tem alguns trunfos na manga para além da sua narrativa especializada:

  • Uma sósia de Megan Fox? Confirma-se  – Laura Haddock, no papel de uma académica especializada na lenda arturiana.
  • Um másculo com esperteza de rua, a ter de fazer ajustes ao seu passado? Confirma-se – Mark Wahlberg, a repetir o seu papel de herói.
  • John Turturro como comic-relief? Confirma-se, agora numa versão de calção e chanata.
  • Mas o que não estávamos à espera era do “gravitas” e da eloquência engraçada de Anthony Hopkins e do seu sidekick robótico Cogman ( com ar de C3-PO): um mordomo com dificuldades em gerir a sua raiva, com a voz do excelente  Jim Carter (o mordomo da série Downtown Abbey). Se querem fazer spin-offs à saga (Bumblebee já está na fornalha para 2018) apostem nestas duas personagens.
  • A outra novidade é Isabela Moner no papel de Izabella, uma garota desenrascada cheia de atitude, pronta a tomar o lugar de Cade Yeager.

O Último Cavaleiro segue os eventos de Age of Extinction: Optimus Prime flutua no espaço, em busca de Cybertron e Cade Yeager esconde-se num ferro-velho com a sua trupe mecânica, agora inimiga a abater. De repente, um ciclo ominoso de eventos têm lugar, e o apocalipse afigura-se eminente!

Cade, a nossa estudiosa Vivian Wembley  e Sir Edmund Burton (Hopkins), membro da organização secreta que protege os Transformers, unem então os seus esforços para encontrar um bastão poderoso e  enfrentar Quintessa, a criadora de Cybertron..que vai contar com um aliado improvável!  Porquê? O segredo será revelado num terceiro acto desgarrado dos seus anteriores, com um ritmo alucinante, de CGI incrível, onde um dragão de três cabeças e o design dos Decepticons marcam a diferença.

A experiência em IMAX 3D é algo insípida e a bandeira de marketing só servirá se escolherem bem o vosso lugar na sala, pois Michael Bay não explora o 3D narrativamente, usa somente subterfúgios artísticos para nos lembrar que temos os óculos postos…e mal sentados…mais vale ver numa versão normal.

About The Author
-

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>