WHIPLASH

Incitado a desenvolver a sua curta-metragem vencedora de Sundance em 2013, Damien Chazelle estendeu a história de Whiplash, e encontra-se agora na corrida aos óscares.

Explorando a obsessão e busca de perfeição na música jazz, Whiplash é um colapso psicótico e narcisista. Andrew é um baterista de ambição desmesurada que entra em confronto com Fletcher, um maestro que inferniza a vida dos seus alunos, abusando do poder, de forma violenta e cruel…com o propósito de atingir a perfeição.

J.K.Simmons, candidato ao óscar de melhor actor secundário, agarra-nos pela garganta e sufoca-nos de forma intensa com a sua tenacidade.Na sua frente…Milles Teller, incansável, com a sua energia eletrizante senta—nos na cadeira esgotados, com arritmia.

Whiplash, é um rufo de bateria constante, com a edição soberba a acentuar o contratempo dum conflito que terminará de forma imprevisível.

Texto:Daniel Antero Locução:Ágata Serralva


About The Author
-

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>