Que melhor forma de entrar em 2020! Com um rpg cheio de cor, música e combate cheio de combos!

O jogo que apresentou um crossover entre Shing Megami Tensei e Fire Emblem na Wii U está de volta, na corrente de ports para a Switch… agora sob o nome de Tokyo Mirage Sessions FE Encore!

Subscreve o canal Cinemic, activa as notificações e sabe todas a notícias sobre videojogos e cinema!

Tokyo Mirage Sessions FE Encore gira em torno da cultura pop japonesa, onde a música e os interesses teen são os verdadeiros protagonistas. 

As Mirage, estranhas criaturas ao estilo de Shin Megami Tensei, começam a roubar aos humanos aquilo que chamam de performa. Uma forma de talento ou algo que nos torna únicos.

Cabe a Itsuki, Tsubasa e muitas outras personagens coloridas, impedir que as Mirage tomem conta do mundo. 

É possível avançar a história de cada uma das personagens nas ruas de Tokyo e saltar para as “Idolspheres”, dungeons onde utilizamos as nossas Mirages para combater inimigos. 

Nas “Idolshperes” passamos o tempo a resolver puzzles ou pequenas missões. Sendo amante de Jrpg´s e fanático de grinding, perdi-me várias vezes pelas dungeons, apenas a combater, sem prestar grande atenção aos puzzles. 

Backtracking é uma forma encontrada para tornar o jogo mais longo, e preferia que tivessem povoado as dungeons com mais npcs e missões. Desilude um pouco ver tanto espaço num rpg deste género tão vazio. 

Mas se a riqueza do mundo pode deixar um pouco a desejar, o combate é onde Tokyo Mirage Sessions ♯FE Encore se torna uma pérola para os amantes de turn based rpg´s. Sempre que uma personagem dá dano a um inimigo e atinge um ponto fraco, inicia uma Session.

Sessions são uma catadupa de ataques que saem encadeados. Se o tipo de habilidade associada a um ataque for compatível com a arma de quem deu o primeiro dano, as personagens com atributos similares saltam para criar combos. “

Além das animações cheias de “japonezises” pop, flores, asas, fogo e tudo o que queremos numa anime, o que é extremamente viciante é manter o combo o maior tempo possível. 

É possível personalizar as nossas Mirages.

Sempre que atingimos um nível master podemos melhorar as nossas armas, adicionar atributos ou melhorá-los. Além do combate, é possível, tal como na série de jogos Shin Megami Tensei, criar laços com os nossos Mirages.

Além das animações de combate poderem ser aceleradas e a Tsubasa usar óculos, não me recordo de muitas diferenças da versão original para a Encore. É possível que para os mais atentos existam, mas passaram alguns anos e não encontrei mais. 

Apesar de não ser veterano das séries Fire Emblem, ou de Persona, é possível encontrar neste ambicioso rpg, o pedigree de ambos os franchises.

Para mim, Tokyo Mirage Sessions ♯FE Encore vence em cada um dos espetaculares combates e perde para o tédio de algumas dungeons e infinita conversa. 

Mas uma coisa é certa, a Switch volta a receber um dos títulos, mais originais da Wii U e Tokyo Mirage Sessions ♯FE Encore e sem dúvida que vai fazer as delícias de quem gosta do universo Persona e Fire Emblem.

 Sempre cheio de ritmo, combos e de muita, mas mesmo muita cor.


About The Author
-

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>